Batatas fritas em uma tábua
Acompanhamentos

Dia Mundial da Batata Frita: veja como prepará-la

Batata frita com alecrim e maionese em uma tábua

A batata frita agrada diferentes tipos de paladar. Foto: Shutterstock

A batata frita é um dos acompanhamentos mais democráticos e amados em todo o mundo. Seja com o hambúrguer, acompanhando o arroz com feijão ou como aperitivo no happy hour, ela é sucesso na certa.

Embora muitos não saibam, o acompanhamento também tem um dia para chamar de seu: o Dia Mundial da Batata Frita é celebrado em 30 de maio.

Apesar de ter uma origem indeterminada,  disputada entre franceses, belgas e espanhóis,  o preparo de cortar o vegetal e fritar seus pedaços em imersão é um dos mais clássicos da cozinha.

Nós separamos ótimas dicas para você realizá-lo em casa sem grandes complicações. Dê uma olhada:

Como escolher?

Os dois melhores tipos de batata para fritar são Asterix e Baraka. Ambos se destacam por conterem menos água, deixando o preparo mais sequinho.

Tipos de corte

São inúmeras as possibilidades de corte para fritar batata. O corte palito é o mais tradicional e pode ser feito de forma simples utilizando um cortador.

Outras alternativas são chips, rodelas e cubinhos.

O mais importante ao cortar as batatas é garantir que os pedaços fiquem com tamanho uniforme, para que a fritura ocorra de forma igual em todos eles.

Tirar a casca ou não fica a seu critério. Com a casca, as batatas têm um toque rústico, apreciado por muitos, sem, elas lembram batatas congeladas, como as de redes de fast food.

Hora de fritar

Há várias formas de realizar a fritura da batata. A imersão em óleo, por exemplo, pode ser realizada na fritadeira convencional com cesto, na fritadeira elétrica e até na panela de pressão.

Se a intenção for de fritar de uma maneira mais saudável, as fritadeiras sem óleo são uma ótima pedida e também proporcionam batatas sequinhas e crocantes.

Batata frita em um saco de papel com ketchup

É difícil quem consiga resistir à uma batata frita quentinha. Foto: Shutterstock

Um procedimento que ajuda a deixar a consistência das batatas ainda mais agradável é colocar os pedaços na água gelada por mais ou menos dez minutos antes de fritar. Isso ajuda a retirar um pouco do amido do vegetal, evitando que as batatas murchem.

Se você optar por deixar suas batatas de molho por este tempo, não pode se esquecer de secá-las bem com papel toalha antes da fritura.

Outra dica para a fritura por imersão é realizar o processo em duas etapas. Uma deve durar mais ou menos um minuto, retirando as batatas em seguida, e outra cerca de cinco minutos, para finalizar a fritura, garantindo uma textura macia por dentro e supercrocante por fora.

Temperando

O sal é sem sombra de dúvidas o tempero mais utilizado para dar gosto à batata frita.

Se você é do tipo que gosta de incrementar, aposte em ervas, como o alecrim, e especiarias, como a páprica e a pimenta-do-reino.

Que tal um acompanhamento?

Com suas batatas fritas e temperadas, você pode dar uma “turbinada” no prato. Os queijos muçarela e cheddar, por exemplo, harmonizam muito bem com o preparo. O bacon também é outro acompanhamento clássico.

Molhos também são opções interessantes de servir com as batatas. O ketchup forma uma dupla imbatível com elas, mas a mostarda e a maionese caseira  — aprenda a prepará-la  — não ficam nem um pouco atrás.

Não há jeito melhor de comemorar o Dia Mundial da Batata Frita do que se deliciando com este prato. Seguindo estas dicas, você terá batatas com uma textura incrível e para lá de saborosas. Veja abaixo boas opções de fritadeira!

Encontre sua fritadeira aqui

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *